Home > Estética e Plástica > Próteses de silicone

Próteses de silicone

Atualmente, a cirurgia de prótese de silicone nas mamas umas mais executada pelos cirurgiões plásticos brasileiros. Para esclarecer algumas das muitas dúvidas relacionadas a esse procedimento selecionamos os principais questionamentos que as pacientes nos trazem dia a dia ao consultório.

COMO É ESCOLHIDO O TAMANHO DAS PRÓTESES?
Algumas medidas tomadas de suas mamas, além da proporção de altura, ombros, tórax e quadris, são fatores que nos guiam na escolha do tamanho mais indicado das próteses de silicone. Evidentemente deveremos levar em consideração, ainda, a capacidade elástica da pele dos seus seios, adequando o tamanho das próteses à esses paramentos e buscando um senso de harmonia estética. As próteses não apresentam a mesma numeração dos sutians (42,44, P, M, G…). O que é levado em consideração são as medidas da largura e da projeção desejadas para o seu caso. A partir destes dados é escolhida a prótese mais adequada.

PODE OCORRER REJEIÇÃO AO SILICONE?
O silicone utilizado nas próteses mamarias é para uso médico e compatível com os tecidos humanos. Entretanto, é um corpo estranho e sofre reações. Raramente há rejeição nas próteses atuais principalmente nos primeiros 10 anos e aumenta as chances após esse período. Podendo, muitas vezes, ser útil por toda a vida.

SE EU TIVER FILHOS, PODEREI AMAMENTAR?
Sim. A lactação e toda fisiologia da glândula mamaria não são alteradas. Logo, você poderá amamentar normalmente, se tiver os estímulos hormonais de lactação normal.

OS IMPLANTES SE SILICONE TÊM PRAZO DE VALIDADE?
Não existe nenhum dado científico relacionado a quanto uma prótese dura, se 10, 15, 20 ou mais anos e com as próteses atuais, mais resistentes e seguras dificilmente será necessário troca-las. A indicação de troca ocorre quando alguma alteração como enrugamentos, dobras ou rupturas é diagnosticada nos exames de imagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *