Home > EXPLORE > Paraíba – Jogo mortal Baleia Azul.

Paraíba – Jogo mortal Baleia Azul.

O jogo pode ter chegado a João Pessoa em 2016;

O jogo da baleia azul trata-se de uma série de tarefas que os jogadores devem completar, algumas das quais envolvem auto-mutilação. A última tarefa é o suicídio. Acredita-se que o jogo esteja relacionado com mais de cem casos de suicídio pelo mundo, havendo, fotos de feridas auto-infligidas compartilhadas em redes sociais, juntamente com as hashtags do jogo.

O termo “Baleia Azul” refere-se ao fenômeno de baleias encalhadas, que é comparado ao suicídio. Enquanto o fenômeno é real, algumas publicações exageraram seu alcance, levando a um certo pânico moral.

Relatos de pais à Polícia Militar revelam que o jogo da morte, que ficou conhecido como jogo da Baleia Azul, pode ter chegado à Paraíba desde o ano passado. Depois da publicação de reportagens na imprensa paraibana, alguns pais têm procurado o comandante do Centro Integrado de Operações da Polícia Militar da Paraíba (Ciop), coronel Arnaldo Sobrinho, que também é Coordenador do Escritório Brasileiro da Associação Internacional de Prevenção ao Crime Cibernético, para relatar casos dentro de suas próprias casas.

Nesta quarta-feira (19), por exemplo, uma mãe procurou o tenente coronel Arnaldo Sobrinho para denunciar que seu filho de 13 anos começou a mudar de comportamento em outubro do ano passado. O garoto, segundo ela relatou, se isolou em seu quarto, não queria falar com os pais e irmãos e deixou de ir à escola. A mãe revelou ao comandante que ficou preocupada e chegou a acreditar que o adolescente estava com depressão. Foi somente quando viu que o alerta da polícia a respeito do jogo da Baleia Azul que ela percebeu que o caso dele se enquadrava no que estava sendo descrito a respeito do jogo.
Foi então que o menino confessou para a mãe que em outubro de 2016 cumpriu todas as etapas e passou a ser ameaçado pelos curadores do grupo após ter desistido de pular do prédio por duas vezes. O garoto contou para a mãe que estava tentando sair do grupo e não conseguia porque era constantemente ameaçado pelo Skype. Os ameaçadores diziam que ele não tinha mais saída e ele se apavorou, segundo ela relatou para a polícia. O que mais assustou a mãe é que o menino confessou que ainda chegou a subir duas vezes no topo do prédio onde mora para tentar o suicídio. Conforme narrou à PM, os curadores ameaçavam matar alguém da família do adolescente, principalmente o pai e a mãe. O coronel Arnaldo Sobrinho disse que uma menina de 13 anos foi induzida a subir no teto da escola para tentar o suicídio, mas desistiu.

 

One thought on “Paraíba – Jogo mortal Baleia Azul.

  1. QUE HORROR ISSO, AGORA MUITOS DOS SUICÍDIOS ANTERIORES TERÃO DE SEREM INVESTIGADOS, POIS PODE SER QUE REALMENTE TENHA LIGAÇÃO COM ESSE JOGO MALDITO!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *