Home > # Partiu com Lilica > Tailândia

Tailândia

 

Tailândia, oficialmente Reino da Tailândia, anteriormente conhecida como Sião é um estado soberano no centro da península da Indochina, no Sudeste asiático.

Tailândia foi o lugar mais incrível que eu conheci, foi realmente uma grande aventura.

O custo da passagem é bem alto, mas o custo baixo para se fazer turismo no país é tão baixo que vale a pena o sacrifício de 24 horas de vôo.

Eu estava na Inglaterra a trabalho e diga-se de passagem e por incrível que pareça totalmente entediada pq estava tão concentrada no trabalho que não conseguia curtir LONDRES mas essa é uma outra página que vou escrever.

A Audiência foi adiada e tinha dez dias livres, não pensei duas vezes peguei o primeiro vôo para Tailandia sem saber o que encontraria lá.

Foi uma verdadeira aventura, ao chegar em Bangkok deparei-me com um enorme e luxuoso aeroporto, moderno e confortável em todos os aspectos.

Comecei a me deparar com a dificuldade do idioma mas sem muitas perguntas carimbaram meu passaporte e me deixaram passar.

Ao sair do aeroporto tive o primeiro choque de realidade, acabara de deixar o Reino Unido um pais riquíssimo, embarcado na SINPOURE que também é uma das companhias aéreas mais luxuosas onde as comissárias de bordo usam trajes típicos , voz mansa e uma das poucas companhias que não usa talheres descartáveis, o aeroporto monumental e quando saiu pela porta automática, me deparo com taxistas aos berros implorando por um turista para ganhar algum POUCO dinheiro.

O taxi era muito, muito velho!!! E desembarco no HOTEL PATHUMWAN PRINCESS, um hotel incrível, fabuloso, 1000 estrelas que tem um shopping de 7 andares e diárias a partir de uns R$400,00 (quatrocentos reias), aqui no brasil certamente a diária custaria uns três mil reais no mínimo.

Saia do Hotel e entrava novamente em choque, na rua era possível por menos de dez reais me deslocar para o outro lado da cidade de mototaxi ou TUC TUC , uma espécie de triciclo, que realmente era necessário coragem para andar naquele transporte.

Também era possível sair do hotel direto num mega túnel climatizado com tema de floresta, onde tinha desde de manicures, camelos ate salões de megahair no trajeto até ate adentrar no metrô, mas sinceramente não me aventurei a andar de metro porque era muito complexo, e os mototaxis era so eu apontar para onde queria ir e eles me levavam.

A noite a vida começa na Tailandia, num bairro chamado PATPONG, tem uma feira, sei la, uma espécie de camelodramo onde se vende de tudo, além, de shows de strippers e gastronomia local, tem também templo budista, e casas de thaymassage, onde você pode fazer massagem nos pes enquanto faz as unhas decoradas mais linda do mundo por apenas 5 dólares, em plena madrugada numa calçada qualquer, é incrível.

Depois conheci uma Tailandesa que falava muito bem inglês conversamos bastante ela me muitas dicas inclusive da FULL MOOM PARTY, uma festa incrível que acontece na LUA CHEIA numa ilha chamada KO PANGHAN, após uns 40 minutos de conversa enquanto fazia minhas unhas DECORADAS, e cílios postiços, a preço de bananas, ela me falou que era BOY E GIRL, fiquei chocada, estava conversando comuma linda garota Thay que era na verdade garoto, ou seja um travesti, mas que não tinha nem de longe essa aparência.

Na Tailandia pode se comprar de TUDO, eu trouxe ate cadeira massageadora, e lenções com fio egípcio por 16 reais, trouxe vestidos lindo e bordados a mão que custaram 15 dolares. Além do contrabando, sim, eles vendem bolsas e roupas de grifes originais que eles desviam das fabricas, mas não me arrisquei.

Na Tailandia conheci o mais famoso templo budista o ESMERALDA que fica no jardim do castelo do imperador, um lugar lindo onde se pode sentir a espiritualidade do budismo em toda sua plenitude, do lado de fora, ficam vários camelos alugando roupas, saias, xales e lenços para os turistas desprevenidos, pois no templo não se permite entrar com pernas ou braços a mostra, então para ganhar qualquer trocado eles alugam túnicas e lenços na entrada, nas fotos, todos os turisas estão vestidos com a mesma roupa. (risos)

A maior aventura foi mergulhar num aquário com tubarões, uma sensação incrível de excitação e medo, tudo junto, mas realmente uma experiência única.

Isso é so o inicio dessa aventura, prometo que continuo porque ainda tenho muita historia para contar.

O que usar: tudo que você usa aqui, é altamente tropical;

O que levar: um GUIA com certeza, e um tradutor de bolso, apesar de muita gente falar inglês, é muito difícil entende-los.

Sites: http://www.pprincess.com/ (hotel onde fiquei hospedada)

http://www.360meridianos.com/tailandia

http://www.fullmoonparty-thailand.com/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *