Home > Conta Certa > Comece a cortar gastos já!

Comece a cortar gastos já!

Uma pesquisa do SPC Brasil e da CNDL revelou que 53% dos brasileiros pretendem cortar gastos em agosto. Por um lado, é uma notícia positiva, mas, por outro, é negativa. Vejamos…

Ponto negativo 1: se 53% pretende cortar gastos, 47% não pretende. Espero que esse pessoal esteja com as contas no azul ou, pelo menos, no zero a zero!

Ponto negativo 2: os motivos alegados para o corte nos gastos são a alta dos preços, o desemprego, a redução na renda, as dívidas e a situação difícil. Tanto que quase 38% das pessoas informaram estar no vermelho, sem terem conseguido pagar as contas em julho.

Alento: muita gente também alegou os esforços constantes para economizar e a intenção de fazer uma reserva financeira como motivo para o corte nos gastos.

Pergunta 1: será que o brasileiro está mais consciente em relação às finanças?

Não está fácil para ninguém… A crise já se prolonga por alguns anos e seus efeitos continuam presentes no nosso dia a dia. É claro que as pessoas percebem. É claro que elas tomam consciência de que é preciso controlar os gastos. Mas a questão é: não basta ter consciência, tem que traçar planos e colocá-los em prática. É preciso começar de verdade a economizar.

Pergunta 2: como fazer isso?

Gastamos muito com o que não precisamos. Ao gastar demais, comprometemos qualquer chance de sobra de dinheiro para investimentos ou reservas financeiras. Ao gastar além da conta, somos levados ao endividamento (tomar empréstimos ou usar cheque especial, por exemplo), e isso vira uma bola de neve.

Quando gastamos só com o que precisamos, evitamos as situações anteriores. Mas ainda é preciso cuidado. Procure pesquisar preços para comprar sempre nas melhores condições, conheça o histórico de preços para não cair em promoções irreais, tente negociar, pechinche.

Além disso, anote e organize seus gastos. Debruce-se sobre eles. Veja onde está desperdiçando dinheiro. 

Tenha em mente que, nessa “briga”, é você contra todos. O governo com uma política de crédito ao consumo, o mercado com estratégias de marketing e de vendas, a TV e a internet cheia de publicidade e, até mesmo, sua roda de amigos/conhecidos, que exibem suas conquistas materiais (muitas vezes sem orçamento para tanto). Assim sendo, ponha seus planos em ação e foque nos seus objetivos.

Se precisar de ajuda, conte conosco!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *